13 de junho de 2010

Crítica: Lie to Me - "Beat the Devil"


Volta de Cal Lightman & cia decepciona.
Foto: Divulgação.


Quando uma série de tv fica tanto tempo fora do circuito (o chamado hiato), esperamos que o episódio da volta seja muito bom, não é mesmo?

Infelizmente não foi o que vi em "Beat the Devil", décimo primeiro episódio da segunda temporada de "Lie to Me".

Dr. Cal Lightman (Tim Roth, ainda brilhante) se depara com Martin Walker (Jason Dohring, caricato), jovem que o desafia a "pegá-lo" na mentira.

E o que temos daí em diante? Clichê atrás de clichê sem as supresas de outros tempos. Uma pena.

Como de costume em "Lie to Me", outro "caso" é investigado paralelamente. O desse episódio é de um professor que alega ter visto um OVNI e que, para não perder o emprego por o acharem louco, pede ajuda a Ria Torres (Monica Raymund) e Eli Loker (Brendan Hines).

As técnicas para descobrir se alguém está mentindo ainda são muito boas, pena que os roteiristas, mesmo com essa parada de quase seis meses, estejam sofrendo de uma crise criativa, coisa que deixa o seriado fraco.

Espero, sinceramente, que os outros episódios não sigam essa linha chata e previsível. Resta torcer.


Nota do episódio: 6


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.